Le Entrevistou | Nesk Only fala sobre carreira, Universal e próximos passos

Nesk Only, nome que segue se destacando no cenário gospel através do trap, está no Le Entrevistou e revelou detalhes sobre sua carreira

O trapper gospel Nesk Only está conquistando destaque no cenário do trap com sua música inspiradora. Recentemente, ele assinou contrato com a Universal Music Christian Group (UMCG) e lançou seu terceiro single pela nova gravadora, intitulado Bom Samaritano. A faixa busca transmitir a mensagem de que Deus está sempre disposto a estar presente em nossas vidas, mas muitas vezes somos nós que não estamos sensíveis o suficiente para perceber isso.

Em entrevista exclusiva, o artista me contou um pouco mais sobre este lançamento, sua parceria com a Universal Music e os próximos passos da carreira!

Le Ferrarez: Como surgiu a inspiração para a faixa “Bom Samaritano” e qual mensagem específica você espera transmitir aos ouvintes?

Nesk Only: A inspiração que tive para a composição da faixa“Bom Samaritano é dividida em 3 etapas que constituem a música:
Parte 1:
Meu TESTEMUNHO, eu falo como eu me sentia
me comparando com Davi, sendo o improvável, o menor da minha casa
aquele que as pessoas achavam que não
mas se Deus usou até uma mula
eu tinha fé que ele poderia me usar
através das letras que eu escrevia e na vida de quem me escutasse
Parte 2:
CONFRONTO, pergunta pro ouvinte, quando você quer uma resposta de Deus, é Ele que não te responde ou você que não está escutando? E o refrão é nesse mesmo sentido, dizendo que o Bom Samaritano está passando, Ele está ali presente o tempo todo, agora vem de quem está sensível sentir a presença dEle ali
Parte 3:
Quando nós não escutamos a voz de Deus,
a gente coloca a CULPA em alguém por conta disso, nós custamos terceirizar e não assumir, geralmente colocamos a culpa no inimigo quando na verdade a culpa está dentro do nosso umbigo, e o que Deus quer de nós e reconhecêla e pedir perdão pra que a gente possa estar próximo e escutar a voz dEle

Le: Quais as dificuldades de migrar do trap secular para o trap gospel? O que motivou essa mudança em sua carreira?

Nesk: A princípio minha maior dificuldade era minha expectativa sobre como olhariam e reagiriam a essa tal migração, mas logo me desencanei e entendi que eu deveria cantar sobre o que realmente vivo e sobre o que realmente acredito, porque assim eu conseguiria transmitir de fato minha verdade e seria mais fácil pra quem ouviria entender quem sou e sobre o que estou falando. Quando entendi que era isso o que eu deveria fazer e também era o que Deus esperava de mim, foi o que motivou e me encorajou a fazer essa mudança na minha carreira.

Le: Como foi trabalhar com o diretor Gabriel CAViness e de que maneira as influências religiosas se refletem no videoclipe de Bom Samaritano?

Nesk: Trabalhar com o CAViness foi a realização de um sonho, porque além de ser fã do trabalho que ele faz, o olhar dele sobre minha obra era o que eu esperava e queria para conseguir transmitir minha mensagem para os meus ouvintes de maneira simples, mas ao mesmo tempo de extrema qualidade que é o que ele sempre entrega.
A luta constante do rapaz que está batendo no saco de pancada representa uma luta espiritual, por mais que pareça que ele não está lutando com ninguém, ele está extremamente cansado e sozinho, já a garota da dança representa o mover do espírito santo, que aos poucos vai falando aos corações e convencendo os jovens que o Bom Samaritano está disposto a lutar essa luta com eles caso eles decidam e busquem estar com Ele, esses mesmos jovens aos poucos vão aparecendo sentados em minha volta enquanto passo essa mensagem, ao final do clipe, esses mesmos jovens que foram alcançados pelo Bom Samaritano falam para o rapaz que está lutando que o Bom Samaritano está disposto a lutar essa luta com ele, então eles o ajudam a levantar e ele entende que não está mais sozinho.

Le: O que representou para você assinar contrato com a Universal Music Christian Group em um evento tão marcante como a Expo Evangélica?

Nesk: Foi uma explosão de emoções, mas pra mim isso representou de fato um milagre, e o cuidado de Deus com a minha vida, com o meu chamado e com o meu propósito. Eu só via artistas com números gigantes assinando contratos com gravadoras, e ver chegando minha vez fez passar um filme na minha cabeça de quando só eu acreditava que isso poderia ser real, mesmo  acontecendo tudo tão rápido hoje eu estou mais seguro porque eu sei que existem profissionais qualificados e trabalhando muito para fazer com que minha arte chegue cada vez mais longe e impacte cada vez mais vidas para glória de Deus.

Le: Você se tornou uma referência no trap gospel e alcançou o título de cantor com maior número de ouvintes nesse gênero no Spotify. O que isso significa pra você após migrar sua carreira?

Nesk: Podemos dizer que esse foi mais um dos milagres que Deus preparou para mim, quando menos foquei em números, mas sim no real propósito, que é levar sobre Jesus para as pessoas, Ele me surpreendeu fazendo chegar em muito mais pessoas do que eu poderia imaginar. Me sinto honrado por viver tal feito, mas nunca me esquecendo que isso não é sobre mim.

Le: Tem algum spoiler que pode compartilhar com os nossos seguidores?

Nesk: Sempre tem um segredo guardado que a gente pode contar um pouquinho né?
Nos próximos meses irei liberar alguns singles com clipes cinematográficos que fazem parte do meu EP EBENÉZER que irá sair em maio, todas as faixas foram produzidas pelo Fábio Casagrande, e todos os clipes foram dirigidos pelo Gabriel CAViness, simplesmente os melhores profissionais que eu conheço, estou com a expectativa a mil para ver todos esses projetos na pista.

Le: Gostaria de deixar algum recado para o pessoal que está lendo a entrevista?

Nesk: O que quero dizer pro pessoal que leu e acompanhou até aqui é: “Não temas, crê somente”
Isso está escrito em Josué 1:9 na bíblia sagrada, mas foi essa palavra que me motivou a lutar contra os meus medos, a superar minhas dificuldades e a romper as barreiras que não me deixavam sair do lugar e me impediam de chegar mais perto do meu sonho, mas hoje eu posso dizer que estou vivendo o que sonhei, e se foi possível acontecer na minha vida, também é possível na sua, basta acreditar e não temer porque Deus está contigo.

 

Curtiu o Le Entrevistou de hoje? Então continue acompanhando o site e o Instagram para mais conteúdos como este.

 

Foto de capa: divulgação