Leleu | Os Escolhidos: o primeiro livro para o público adulto de Veronica Roth 

Os Escolhidos, o livro de fantasia que te prende do início ao fim

O Leleu de hoje irá falar sobre  um dos lançamentos de agosto da editora Intrínseca, o livro de Veronica Roth, Os Escolhidos.

Este livro, sinceramente, é muito envolvente e contém uma narrativa única super interessante, que faz com que o leitor descubra um novo universo literário e se delicie totalmente.

Antes que eu comece a expor a minha opinião honesta sobre ele, aqui está a sinopse:

Quinze anos atrás, cinco adolescentes foram arrancados de suas famílias para cumprir uma profecia. Os Escolhidos, como ficaram conhecidos, seriam os únicos capazes de derrotar o Tenebroso, um ser extremamente poderoso que destruiu cidades e causou milhares de mortes pela América do Norte.

Os cinco foram treinados para travar combates mágicos, enfrentaram horrores inimagináveis ​​e deram tudo de si para derrotá-lo. Quando, o mundo voltou ao normal… exceto para eles, que agora são as pessoas mais famosas do planeta, embora já tenham cumprido seu propósito.

Mulher de cabelo curto, sendo a única na foto
Foto: divulgação

Roth, com certeza é muito boa em criar mundos distópicos, e esse universo novo com certeza não seria menos criativo ou detalhado que suas outras obras, mesmo que este seja o primeiro livro da autora, destinado ao público adulto (mas particularmente, acredito que muitos adolescentes se interessariam por ele).

Por ser um livro de fantasia com um mundo totalmente novo e único, de início ele é pouco confuso, mas assim que você pega gosto por ele, ele fica mais tranquilo e faz com que você aprecie a leitura muito bem. A obra contém inúmeras tiradas inteligentes, que eu achei super boas e interessantes.

Opinião da Redação

A narrativa do livro acontece a partir de acontecimentos passados e momentos atuais, fazendo com que o leitor consiga entender melhor tal momento com ricos detalhes e conhecimentos natos. Ele contém acontecimentos que te deixam super surpresa, fazendo com que te prenda bastante à ele do começo ao fim.

Não gosto muito de spoilers, mas gostaria de pontuar que a personagem principal, Sloane, mesmo sendo uma adulta, comete certas  ações impulsivas, que para algumas pessoas, isso pode soar irritante. Por isso estou a comentar que ela, como qualquer um, está submetida acometer erros e aprender com eles.

A diagramação do livro é fenomenal, e isso me chamou muito atenção, pois nele é mostrado um mapa, documentos que são importantes para a construção de cenas, jornais do próprio universo e algumas outras coisas.

Então, se você é uma pessoa que curti um bom livro de fantasia, provavelmente irá gostar bastante dele, assim como eu.

Gostou deste Leleu? Então não deixe de conferir outras resenhas aqui do site e nos acompanhar de pertinho no Instagram.

Foto de capa: divulgação